quarta-feira, 30 de julho de 2008

“Ponto de Encontro de Cultura”


“Ponto de Encontro de Cultura”


Uma camiseta
Uma resposta
Muitas conversas
Interação

Uma manhã cedo
Um almoço junto
Imensidão do Mar
Contemplação

Uma febre de grau alto
ainda BEM que passei MAL
Um sonho acordado
Uma barraca dormindo

Assembléia Plenária
Conversa de dois corpos
Cabeça no Ombro
ainda BEM que passou MAL
Carinhos Abraçados
Mão na Mão

Boca na Boca
Beijo no Bar
Vontade e Desejo
Espontâneo e Sincero
Tempo relativo
Sintonia e Harmonia

Viagem não é Despedida
Distância é Começo
Saudade não é Fim.

7 comentários:

Suca disse...

"As coisas mudam
quando as coisas mudam
E duram o tempo
que demorarão a durar..."...mesmo por que "Viagem não é despedida [..] e Saudade não é fim" Assim você falou e assim nos contempla em palavras. Palavras de que se apropria e transforma, resgatando a gente da mediocre idéia de viver sem sentir esses tais de sentimentos do mundo.
Adorei conhecer vocês e adoro a sua arte.
Bjpos

Tati Nicéas disse...

"Viagem não é Despedida
Distância é Começo
Saudade não é Fim."

Isso é tão ENEPe...
Abraços

Sylvyu disse...

Sou seu fã!!!Parabéns!

abraço

Juliana disse...

Muito bom Binho!
E adotei a máxima: tô boiando -literalmente- no vácuo!!!

Abraços.

Ju Fazzenaro, a geógrafa que quer se meter à pedagoga...

Josiane disse...

Ainda BEM que passei MAL!

Quem sabe novamente nosso ponto de Encontro de Culturas se encontre...
visto "Que não seja imortal, posto que é chama Mas que seja infinito enquanto dure"...

"E assim, quando mais tarde me procure"
... pois "Distância é Começo Saudade não é Fim".

Muito bom te encontrar SER humano! Lindo te conhecer!

Victor Meira disse...

Bacana a poesia. Simples e verdadeira.

Maria Clara Moraes disse...

"Ainda bem que passei mal"

Adoro opostos quase juntos...

Adorei sobre o pote de MEL, agora vou pensar sobre o MEU...

Beijos, vou linkar...